O que é livre arbítrio? A liberdade de escolher 

    Pai e filhos caminhando num parque. O dom do arbítrio significa que cada pessoa é livre para escolher o caminho que seguirá na vida.

    O que é livre arbítrio?

    De forma simplificada, arbítrio significa que cada um de nós tem a liberdade de escolher entre o certo e o errado. Os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias acreditam que o livre arbítrio é um presente dado por Deus a cada homem ou mulher. Isso significa que nosso destino não é determinado por alguma força além do nosso controle. Embora não controlemos as circunstâncias em que nascemos e com as quais nos deparamos ao longo de nossas vidas, temos liberdade para escolher como responderemos a essas circunstâncias.

    Por que temos arbítrio?

    O arbítrio é um dos maiores presentes de Deus para a humanidade. Todos - ricos, pobres, homens, mulheres - receberam liberdade para escolher entre o bem e o mal.

    O poder de decidir entre certo e errado sempre teve um papel importante no plano de Deus. Primeiro exercemos nossa capacidade de escolher antes de nascermos, durante um tempo chamado de nossa existência pré-mortal, na qual vivemos com Deus como Seus filhos espirituais. Queríamos nos tornar mais parecidos com Deus, mas precisávamos de um lugar onde pudéssemos continuar praticando para tomarmos escolhas moralmente corretas. Por meio de Seu Filho Jesus Cristo, Deus criou o mundo para nós, para que tivéssemos um lugar para crescer e fazer escolhas. Aqui na Terra, ao exercitamos nosso direito de escolher podemos crescer e progredir e nos tornar mais como nosso Pai Celestial.

    É parte do plano de Deus enfrentarmos a oposição aqui na Terra e poder fazer escolhas entre o bem e o mal.

    Como o arbítrio afeta minha vida?

    O arbítrio se refere a mais do que apenas as escolhas simples que fazemos todos os dias, como escolher quais sapatos usar ou o que comer no almoço. Diz respeito especialmente a escolhas com consequências morais ou espirituais. Uma das escolhas mais importantes é a de decidir ter fé em Deus e segui-lo. Como consequência, podemos decidir ajudar um próximo necessitado, ser fiel a um cônjuge, mostrar compaixão pelos vulneráveis e necessitados, etc.

    Assim como as escolhas físicas têm consequências, nossas escolhas espirituais também. Embora possamos escolher como usar nosso arbítrio, não podemos escolher as consequências. Devemos usar sabiamente nosso arbítrio para evitar os efeitos desoladores e às vezes devastadores de fazer escolhas moralmente erradas.

    O que acontece se eu usar meu arbítrio de forma errada?

    Nenhum de nós faz escolhas corretas o tempo todo. Quando desobedecemos aos mandamentos de Deus, pecamos. Algumas escolhas incorretas têm consequências mais sérias, mas todos pecam em um ponto ou outro. A consequência do pecado é a separação de Deus. Felizmente, nosso Pai Celestial enviou Seu Filho, Jesus Cristo, à Terra para nos salvar de nossos pecados, se escolhermos segui-Lo e nos arrependermos. Por causa disso, podemos optar por nos arrepender e sermos perdoados por nossas escolhas incorretas.

    Para aprender mais sobre ser batizado ou outras escolhas corretas, acesse vindeacristo.org.

    Conteúdo relacionado: