Cinco coisas que a Bíblia ensina sobre o Espírito Santo

    A Bíblia ensina muitos princípios sobre o Espírito Santo. Alguns dos principais papeis do Espírito Santo são consolar, testemunhar sobre Jesus Cristo e trazer sentimentos de amor e paz.   

    Jovem membro da igreja de Jesus Cristo dos santos dos últimos dias (também conhecidos como mormons) estudando a Bíblia

    Assim como outros cristãos, os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, tambémconhecidos como mórmons, acreditam nos ensinamentos da Bíblia sobre Deus o Pai, Seu Filho Jesus Cristo e o Espírito Santo. A Bíblia ensina que o Pai, o Filho e o Espírito Santo são três indivíduos distintos e divinos e que trabalham juntos em completa unidade em seu propósito. Este grupo de indivíduos é coletivamente chamado de Trindade.

    Os membros da Igreja também creem que Deus e Jesus Cristo têmcorpos de carne e ossos, mas glorificados e imortais. O Espírito Santo é, portanto, o únicomembro da Divindade sem um corpo. Aqui estão apenas alguns dos ensinamentos da Bíblia sobre o Espírito Santo. 

    1. O Espírito Santo dá testemunho de Jesus Cristo (João 15:26)

    Um dos papéis mais importantes do Espírito Santo é testemunhar da verdade, especialmente sobre Jesus Cristo e Sua divindade. É somente através do Espírito Santo que podemos receber um testemunho de que Jesus Cristo é o Filho de Deus e o Redentor do Mundo. 

    O próprio Jesus ensinou sobre a responsabilidade do Espírito Santo de fazer isso ao dizer: “quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, a saber, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim”. 

    2. O Espírito Santo pode nos confortar (João 14:16-18)

    Nas escrituras, Jesus Cristo comumente se refere ao Espírito Santo como “o Consolador”. Ele ensinou que Ele, através de Deus enviaria o Consolador para ficar [conosco] “para sempre”. Cristo prometeu que, por causa do Espírito Santo, ninguém jamais será deixado sem consolo. 

    3. Devemos receber o Espírito Santo para entrar no reino de Deus (João 3:5)

    A Bíblia ensina sobre a importância do batismo e diz que um homem deve “nascer da água e do Espírito”. O batismo pela água é um símbolo de que podemosser purificados dos nossos pecados. Mas para que a ordenança do batismo seja completa, devemos também “nascer do Espírito” ou, em outras palavras, receber o dom do Espírito Santo. Jesus ensinou que ambas as partes, importantes do batismo, são necessárias para entrar no Reino de Deus. 

    4. O Espírito Santo nos santifica (Mateus 3:11)

    Santificar algo significa torná-lo puro, sagrado ou sagrado. O Espírito Santo pode nos ajudar a nos tornar puros e santos ao trabalharmos para sermos mais parecidos com nosso Salvador Jesus Cristo. João Batista, que batizou Jesus Cristo, ensinou que Cristo batizaria as pessoas “com o Espírito Santo, e com fogo”.

    O fogo é usado como uma maneira de remover impurezas. O Espírito Santo é comparado ao fogo porque tem uma influência purificadora em nossas vidas, que nos ajuda a nos tornar dignos de viver com Deus um dia. 

    5. O Espírito Santo traz sentimentos de amor, paz e alegria (Gálatas 5:22-23)

    O Espírito Santo também é chamado de Espírito do Senhor. A Bíblia ensina que “o fruto do Espírito é caridade, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, [e] temperança”. Quando temos o Espírito Santo conosco, podemos experimentar todos os sentimentos e atributos positivos listados acima, não importa quais dificuldades enfrentaremos em nossas vidas. O Espírito Santo não apenas nos fortalece pessoalmente, mas também nos capacita a elevar os outros e ajudá-los nos desafios deles.

    Conteúdo Relacionado